Pampa Linda, o paraíso do trekking na região do Cerro Tronador – Bariloche

by Fernando Barros
Cerro tronador Pampa Linda
95 / 100

A minúscula vila de Pampa Linda é a base para explorar a região do Cerro Tronador e um dos setores mais especiais do Parque Nacional Nahuel Huapi, localizado nos arredores de Bariloche. O Cerro Tronador é a maior montanha de todo o Parque e está sempre nevada o ano inteiro. Fica exatamente na divisa entre Chile e Argentina e possui dois cumes principais que são uma das melhores escaladas técnicas da Patagônia, além de possuir glaciares, enormes cachoeiras e muitas trilhas para trekking.

É o local principal na alta Patagônia Argentina para treinamento e aprendizado em escalada no Gelo e travessia de glaciares e foi o principal motivo que me levou até lá, mas chegando em Pampa Linda fiquei de queixo caído com o potencial daquele lugar!

Pampa Linda entrou para a minha lista dos top 5 locais para Trekking da Patagônia, junto com: El Chaltén, Torres del Paine, Púcon e Carretera Austral.

Como chegar

Captura de Tela 2020 10 19 as 18.45.25

De carro é uma boa opção, pois ter um veículo lá é bem útil para percorrer as estradas que levam até o início de algumas trilhas ou atrativos. São 73 km e +- 2h00 de Bariloche. Apesar de ter um longo trecho de estrada de terra, não é preciso ter um carro 4×4 para chegar em Pampa Linda e próximo do Cerro Tronador, mas um carro mais alto ajuda.

Existem também excursões de bate e volta saindo de bariloche (com duração de 9hs e no valor de R$240,00 por pessoa), mas que servem apenas para o turismo contemplativo, não dá tempo de fazer nenhuma trilha. Muitas vans chegam todos os dias com os turistas ávidos para verem o Ventisqueiro Negro e o Cerro Tronador todo nevado.

Você pode também chegar fazendo a Travessia das 5 Lagunas, que são 6 dias de caminhada saindo de Colonia Suiza, que é um vilarejo turístico próximo de Bariloche.

12 sugestões de trilhas e passeios para fazer em Pampa Linda

1 – Ventisquero Negro

Não é preciso fazer trilha. É possível chegar de carro até um estacionamento que fica a 7 km de Pampa Linda e de lá são poucos metros até o mirante principal. A única geleira do Parque Nacional Nahuel Huapi em que é possível visitar chegando de carro sem precisar caminhar. Se você nunca viu uma geleira de perto e está em Bariloche, é um passeio imperdível.

2 – Garganta del Diablo

Seguindo por mais 1km a estrada que leva até o Ventisqueiro Negro, chega-se em um pequeno restaurante e confeitaria, aonde tem uma linda vista para os glaciares e para as inúmeras cachoeiras formadas pelo derretimento deles. É um lugar muito agradável, com áreas para fazer pic-nic e churrasco. Lá inicia-se um trilha curta de 30 minutos (somente ida) para a Garganta Del Diablo, uma cachoeira que se destaca na paisagem.

3 – Trilha Refúgio Otto Meiling

Essa trilha é a cereja do bolo do Parque Nacional Nahuel Huapi sector Tronador. É um trekking puxado que leva até um refúgio de montanha que é o camp base para aqueles que vão escalar o pico do Cerro Tronador.

A trilha parte de Pampa Linda e são +- 14 km com 1.050 metros de subida acumulada, mas vale cada gota de suor. É realmente maravilhosa e possui visuais incríveis.

4 – Trilha Refúgio Agostino Rocca (Paso de Las Nubens)

Outro Refúgio de montanha. Não tão alto como o Refúgio Otto Meiling, mas é um dos melhores refúgios de montanha da Argentina. É possível chegar nele saindo de Pampa linda em uma trilha de 14km e 700 metros de subida acumulada.

5 – Travessia 5 Lagunas

Essa é uma travessia de 5-6 dias com 45km que liga Pampa Linda a Colônia Suiza (próximo de Bariloche)

De Colonia Suiza segue para o Refugio Manfredo Segre ena Laguna Negra, depois vai para o vale a onde se encontra a laguna CAB ou Lluvu. Seguindo a trilha a próxima parada a Laguna Cretón e finalmente conecta com a laguna Ilón. De Ilón começa a última etapa que é descer até Pampa Linda

6 – Saltillo Las Nalcas

Uma cachoeira linda, que para conhecer é só pegar uma trilha super fácil sem desnível algum praticamente. São 3km ida e volta do estacionamento na estrada ou 5km ida e volta partindo caminhando de Pampa Linda. A cachoeira tem mais de 40 metros.

7 – Escalada do Pico Argentino do Cerro Tronador

Uma escalada incrível, mas bem técnica. Muito famosa para quem esta começando na escalada no gelo e travessia de glaciar. Ela parte do Refúgio Otto Meiling e normalmente começa por volta das 3:30 da manhã e leva +- umas 12hs.

8 – Travessia do Glaciar Refúgio Otto Meiling para Refúgio Roca

Experiência incrível de deslocamento em glaciar. Mesmo sem experiência é possível contratar guias de agências especializadas para fazer essa travessia.

9 – Trilha para o Refúgio Viejo

São 3 dias com ida e volta pelo mesmo caminho, dormindo a primeira noite no posto de Carabineiros Chileno. Esse trekking cruza a fronteira com o Chile e é preciso fazer o registro nos passaportes de entrada e saída. E refúgio foi construído pelo Clube Andino de Bariloche em 1938 e em 2013 foi rebatizado como REFUGIO MANUEL OJEDA CANCINO.

São 34km com mais de 2.000 metros de subida acumulada.

10 – Cume Cerro Volcánico

O Cerro Volcánico possui 1.860 metros de altitude. É um trekking pesado de + ou – 24 km ida e volta. Serão 1.000 metros de desnível com total de 1.700 metros de subida acumulada. Tem uma vista maravilhosa para o Cerro Tronador, além da própria beleza do Cerro Volcánico em si. Até então é necessário fazer o Trekking indo e voltando no mesmo dia pois não existe local adequado para camping no caminho. Isso torna esse um dos trekkings mais pesados de Pampa Linda.

Captura de Tela 2020 10 19 as 18.09.14

11 – Trilha até a base do Glaciar Castaño Overo

São 16km ida e volta e você chegará em um local aonde o Glaciar termina, formando imensas cachoeiras. São 390 metros de subida acumulada.

12 – Trilha até o Mirador Piedra Pérez

Essa trilha começa no final da estrada que leva até o Ventisquero Negro, lá na Garganta do Diablo atras da confeitaria. São 10km ida e volta com 500 metros de subida acumulada.

A trilha tem vistas maravilhosas da cachoeira Garganta del Diablo, do glaciar Manso e do glaciar Castaño Overo.

VEJA TAMBÉM outros posts sobre região de Bariloche:

Custos

  • Entrada no Parque Nacional Nahuel Huapi 400 pesos por pessoa
  • Por lá não se aceita cartão de crédito, e tudo é bem mais caro do que o normal (umas 3 vezes mais), então é importante levar bastante dinheiro em espécie.

Hospedagens em Pampa Linda

Hosteria Pampa Linda

A Hosteria Pampa Linda, é um hotel familiar, da família Vereertbrugghen, que já está a 3 gerações no local. Possui quartos agradáveis com uma vista maravilhosa para o Cerro Tronador. São quartos simples mas bem aconchegantes e existe um horário certo para tomar banho quente, já que o aquecimento da água é feito com boilers à lenha. Não espere nada luxuoso, apesar do preço elevado ele equivale a um 2-3 estrelas de Bariloche. Porém é a única opção de hotel de Pampa Linda e a vista do quarto e do restaurante é realmente impressionante.

Albergue

Ao lado da Hosteria Pampa Linda existe uma casa que funcionava como um albergue, ma os alojamentos estão desativados. Hoje funciona como um bar que serve bebidas e pizza.

Camping

Camping Los Vuriloches. É o melhor camping de Pampa Linda. Tem uma estrutura ótima, bons locais para montar barraca e é possível parar trailers e motorhomes. Valor de 550,00 pesos por pessoa. Que sai por volta de uns 50 reais, ou seja, não é barato, como tudo por lá.

  • Área de acampamento com churrasqueiras 
  • Banheiros com duchas (com água quente que funciona com uma caldeira à lenha a partir das 20:00). 
  • Energia elétrica das 20:00 às 0:00
  • água potável
  • pequena mercearia
  • Venda de lenha e carvão
  • Guaderia de mochilas, bicicletas, etc.
  • Aluguel de raquetes para neve, bastões de caminhada, sacos de dormir e barracas
  • Restaurante

Camping selvagem

Não é permitido camping selvagem no em Pampa Linda e Parque Nacional Nahuel Huapi na região do Cerro Tronador, mas para quem está fazendo o curso de escalada no gelo, a administração do Parque abre uma excessão e permite acampar em um local na beira do rio a caminho da garganta do Diablo. Pelo que percebi, não é nada formalizado, e sim consequência de um bom relacionamento dos guias com os guarda-parques. Pois assim todos economizam, e acaba barateando para eles também, já que é necessário ficar varias dias por lá durante o treinamento.

Mas, nem tudo são flores, acampar lá significa lidar com as insuportáveis mutucas conhecidas como “Tábanos”. Eita bicho chato rsss

Refúgio Otto Meiling

É um refúgio de montanha, usado para quem vai escalar o pico argentino do Cerro Tronador e para quem quer apenas fazer o trekking até lá e viver a experiência de dormir em um refúgio.

Lá é possível dormir dentro do abrigo, em mezanino com colchões espalhados no chão, ou você pode acampar nos arredores do Refúgio Otto Meiling. Nós optamos acampar.

A estrutura é um pouco precárias, mas o Refúgio Otto Meiling tem um astral bem legal. É administrado por pessoas jovens, e eles cuidam de tudo. A comida é muito boa e tudo é feito com bastante capricho.

Refúgio Agostino Rocca

Considerado um dos melhores refúgio de montanha da Argentina. Foi construído em 2012. Possui uma infra estrutura muito boa, com energia elétrica, chuveiros quentes, restaurante, quartos com beliches e capacidade para 80 pessoas.

Dicas gerais

Pampa Linda com o Cerro Tronador ao fundo
Vista da janela do quarto da Hosteria Pampa Linda
  • Leve tudo o que você puder de Bariloche pois Pampa linda não possui mercados. Você consegue comprar algumas coisas no camping e na Hosteria Pampa Linda, mas não será nada muito específico e será bem mais caro.
  • Leve seus remédios para qualquer imprevisto.
  • Se você for fazer trekkings por lá leve os equipamentos que está acostumado a usar. Lembre que mesmo sendo no verão e ser calor durante o dia, não esqueça que você está na Patagônia e que o tempo pode mudar drasticamente de repente, então vá preparado para frio, vento e chuva.
  • Se for de carro vá de tanque cheio. Não existe como comprar combustível lá.
  • Lá não pega sinal de celular e o wifi da Hosteria Pampa Linda e dos campings não são bons, então não conte muito com isso. As pessoas se comunicam por rádio por lá. Principalmente entre os Refúgios e Pampa Linda.
  • Não se aceita cachorros e pets no Parque Nacional Nahuel Huapi.
  • O Site Bariloche Trekking é uma ótima fonte de informações para todas as trilhas da região de Bariloche. Vale a pena pesquisar por lá também.

You may also like

Faça um comentário